Especialista growth hacking para e-commerce

Ferramentas do Especialista Growth Hacker
8 de fevereiro de 2017
Growth Hacker
Conheça as minhas estratégias de crescimento diariamente
18 de março de 2017

Especialista growth hacking para e-commerce

Eu como  um Especialista growth hacking  para e-commerce sou obrigado a perguntar se você recentemente, tem ouvido alguém de marketing digital falar a respeito sobre a metodologia de crescimento acelerado do Vale do Silício que chegou ao Brasil? E que já está tomando conta do mindset da maioria das empresas que precisam expor seu produto no meio digital: o growth hacking!

Este termo foi criado por Sean Ellis, fundador do site growthharckers.com, influenciador no mercado digital e responsável pelo crescimento de empresas como Dropbox, Lookout, Eventbrite, LogMeIn, Uproar e Qualaroo, empresa na qual é CEO atualmente. Sean nos propõe um método valioso de escalabilidade para empresas dentro da internet, no qual visa entregar resultados relevantes dentro do mais curto período de tempo possível. Para assim alcançar os resultados, as táticas utilizadas se baseiam em estratégias de marketing digital de performance e presença agressiva em mídias online.

As técnicas de growth hacking no seu todo podem e devem ser adotadas para qualquer negócio escalável que busque aumentar consideravelmente o número de clientes, inclusive no e-commerce. Por isso, aqui irei citar algumas dicas de growth para alavancar seu e-commerce “loja virtual” e começar já a impulsionar suas vendas:

As mídias de performance. Em primeiro lugar um anúncio para o Growth Hacker deixa de ser simplesmente um “mero anúncio” com foto e texto. Ele precisa ser uma mídia de conversão, precisa levar a algo e ter obrigatoriamente uma função no processo de funil de vendas.

 

Anúncios dinâmicos na rede de pesquisa 

Os links patrocinados,  são uma das principais estratégias que não pode faltar em seu e-commerce é a DSA (dynamic search ads).

Claro que eu poderia citar vários benefícios para utilizar os anúncios dinâmicos, mas neste caso vou me ater ao fato de que, quando se trata de uma grande quantidade de produtos (sku) em sua loja, não há analista no mundo capaz de manter ativos e atualizados anúncios para cada um de seus produtos.

Imagine uma loja que contenha mais de 100 mil produtos disponíveis em seu feed xml. Seria impossível manter atualizados 100 mil anúncios de pesquisa com o link direto para o produto e um título que traga exatamente o mesmo título de sua página. Exatamente é assim que os anúncios dinâmicos funcionam. atualizando e criando estes anúncios de forma dinâmica.

Utilizando então esta campanha DSA, toda sua loja estará coberta nas pesquisas realizadas por seus produtos dentro do Google. E o Bônus : Imagine não precisar incluir palavras-chave para ativar os seus anúncios nas buscas, pois a campanha DSA irá fazer isso proativamente com base nos títulos das suas páginas e seus URLs.

Agora, além de vender produtos que você  não tinham demanda, você descobrirá todos os termos de pesquisa que os clientes usam para encontrar seu e-commerce. Sem dúvida isso é genial! Pois imagine poder criar campanhas DSA específicas com termos mais utilizados pelos clientes e dar lances altos apenas nestes!

Não espere mais 1 segundo e converse com seus especialista growth hacking para e-commerce e comece a gora mesmo a aumentar o seu número de vendas na internet. Pode confiar!

Especialista growth hacking para e-commerce

Especialista growth hacking para e-commerce

Chatbots melhoram o primeiro atendimento e até fecham pedidos na hora! 

Na foto acima eu um Especialista growth hacking para e-commerce participo do FbStart que lançou a tecnologia de Chatbots para desenvolvedores Mobile durante o evento. Introduzindo assim no Brasil a IA do Facebook, integrada ao Messenger.

Com certeza já ouvimos falar sobre inteligência artificial. Segundo alguns sites americanos , o site techcrunch.com é  referência para quem quer ficar por dentro das tendências do Vale do Silício, os chatbots e a inteligência artificial fazem parte das tendências tecnológicas que irão mudar completamente o mundo nos próximos anos.

Através de machine learning, estas ferramentas são capazes de entender processos e otimizar o próprio atendimento ao consumidor com o passar do tempo. Chatbots são capazes de melhorar o atendimento a um cliente e entregar com agilidade o que eles precisam sobre o seu e-commerce. Inclusive já existem plataformas de pagamentos como pagseguro que se integram a aplicações chatbots para efetuar o checkout sem sair do atendimento via chat pela IA Inteligencia Artificial.

Além de dar escala ao SAC e entregar agilidade ao checkout, os robozinhos são uma excelente oportunidade porque, segundo dados divulgados pelo site Business Insider, desde 2015, o tempo de uso de ferramentas de chat ultrapassou o tempo de uso de redes sociais.

Os aplicativos de mensagens são uma grande tendência para o futuro próximo, e os chatbots serão a forma como as pessoas acessam serviços, produtos e encontram informações relevantes.

Segundo o site Chatbotsmagazine.com, quando se trata de navegação em dispositivos móveis, nós passamos cerca de 90% do  nosso tempo em aplicativos de mensagens. Você não leu errado. Em uma era onde tudo é ou tende a ser via celular e móvel, esta informação é super relevante. 90% do nosso tempo gasto no celular está em aplicativos de mensagem como WhatsApp e Facebook Messenger ambos do tio Mark Zukenberg. Acredito que ele esteja rindo a toa neste momento.

 

Automação de marketing com foco no funil de vendas 

Eu estou cansado de dizer em meus Podcast e Periscope sobre a importância da automação do Marketing que é a chave para aumentar a escala de qualquer indústria, e agora o inbound trouxe a automação para dentro do marketing. Normalmente, a estratégia de inbound é mais utilizada para empresas que buscam gerar leads, sejam elas prestadoras de serviços ou empresas de software.

Mas utilizar uma estratégia de inbound em seu e-commerce pode torná-lo bastante competitivo, principalmente porque um dos maiores fatores que impedem a compra de um produto em um e-commerce é justamente a falta de informações sobre este produto dentro da loja.

Se você tem dúvida sobre funil de vendas veja este post sobre como desenvolver um funil de vendas e aprenda as etapas de como criar a sua estratégia para vendas on line.

Mas mesmo sem uma estratégia de inbound no seu e-commerce, investir em uma ferramenta de automação pode aumentar suas conversões. Diversos estudos sobre o acompanhamento do funil de vendas por e-mail apontam o crescimento médio do faturamento de e-commerces em 50 a 80%.

Existem diversas ferramentas de automação no mercado, algumas inclusive conectadas com o seu CRM. Vale a pena dedicar um período para buscar e contratar tais ferramentas para automatizar o envio de e-mails aos clientes do seu e-commerce segmentando o conteúdo de acordo com o seu funil de vendas.

 

avaliar ecommerce

avaliar ecommerce

 

Integração das campanhas de marketing com o CRM 

Recentemente eu assisti online um evento sobre e-commerce na palestra o responsável pelas operações do e-commerce de uma gigante varejista de moda em Taiwan. Falou sobre a criação de um ecossistema de clientes, com foco na retenção e na recompra. Este caso solucionou três problemas comuns da maioria dos varejistas online de todo o mundo: a fragmentação da audiência pelas mídias online, a gigantesca quantidade de concorrentes e a facilidade de comparação de preços entre eles os concorrentes.

Neste momento você deve estar agora concordando com esses problemas e lembrando que enfrenta eles todos os santos dias dentro da sua operação de e-commerce. Pois é!  Saiba que a cada dia as pessoas deixam de gastar tempo em seu e-commerce e aumentam a quantidade de tempo em que ficam dentro das redes sociais, sendo bombardeados e consumindo todo tipo de conteúdo.

Quando essas pessoas saem às compras,  ao fazerem uma rápida busca no Google,  eles abrem dez lojas de e-commerce que contêm o mesmo produto. Ficam em média cinco segundos em cada uma delas e permanecem no que ofertar o menor preço e frete grátis. Dura e cruel realidade!

Em meio essa necessidade de respostas e  extrema falta de paciência dos consumidores, que não lhes dão chances de se explicar. Você tem cinco  preciosos segundos para provar ao seu consumidor que sua loja tem valor, ou simplesmente todo seu investimento já era.

Isso fez com que  a maioria dos e-commerces ao redor do Planeta integrassem todos os seus sistemas de gestão para ter uma visão única do caminho percorrido pelos seus cliente e assim entender melhor as suas vontades.

Não estou falando do futuro. É presente. Dentro de seu ERP e seu CRM existe uma quantidade absurda de dados dos clientes que você pode usar a seu favor. Por exemplo: pense em uma loja de roupas de crianças e adolescentes. Uma pessoa que compra uma roupinha para o filho de 1 ano, provavelmente demandará uma roupa de 3 anos daqui a 2 anos. Então, ao invés de o varejista deixar que esta pessoa procure por roupas de 3 anos no período de 24 meses, ele poderá nutrir esta pessoa com e-mails automatizados de ofertas relacionadas a idade da criança.

A utilização de dados internos  ou até mesmo BIG DATA não para por aí. Existem infinitas possibilidades de automatizar a entrega de ofertas para os seus clientes com a integração de seus sistemas de gestão. Pense em ofertas de aniversário, ou ofertas que se relacionem com momentos  especiais na vida das pessoas, como as férias por exemplo.

Remarketing dinâmico com lance segmentado 

Acredito que já deve ter ouvido falar sobre remarketing dinâmico algumas vezes durante sua busca por marketing digital. Mas talvez haja algumas otimizações disponíveis no mercado para alavancar seus resultados.

O erro mais comum cometido pelos profissionais de e-commerce em campanhas de links patrocinados é a falta de segmentação dos lances das campanhas de remarketing dinâmico. Se até hoje você naõ se preocupou com isto, atenção! O seu funil de remarketing é composto por várias pessoas, desde aquelas que acessaram sua home, até aquelas que levaram um produto ao carrinho e não finalizaram a compra. Atribuir o  mesmo valor de lance para esses dois perfis dá no mesmo que dizer que eles têm a mesma chance de virar clientes. Quando isso é uma inverdade!

Segmentar muito bem as suas listas por nível de profundidade do funil de compra de seu e-commerce é vital para o sucessso da sua operação. Somente assim, quanto mais perto da conversão o usuário deixar seu site, mais vezes ele verá seus anúncios e você deixa de gastar dinheiro com usuários que ainda estão no topo do funil de conversão ou seja com dúvidas sobre a compra.

Agora cliente comprou o produto? Negative os usuários que efetuaram a compra do seu produto em suas listas de remarketing. É muito desagradável após a compra do produto ainda continuar recebendo as ofertas do mesmo produto que já compramos. Convenhamos nada inteligente para o seu bolso.

Também acompanhar as métricas de tempo de compra dos seus consumidores. Ao identificar um tempo máximo que seus clientes levam desde o primeiro clique no anúncio até a finalização da compra do seu produto, você pode interromper os seus anúncios para aqueles usuários que já ultrapassaram este tempo, e provavelmente não irão comprar o seu produto.

Veja todos estas técnicas já estão disponíveis para você implementar na sua loja virtual, não perca tempo e comece agora implanta-las

 

Especialista Growth Hacker

Especialista Growth Hacker

 

 

 

Danilo Carlos
Danilo Carlos
Danilo Carlos é Founder da DCSBRASIL agência de marketing e publicidade digital. Founder da Incubeos um coworking que tem parceria com uma aceleradora para desenvolvimento de novas startups.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

//]]>